A adaptação à prótese dentária

0

Há vários factores que preocupam quem vai colocar uma prótese dentária: Como vai ser a minha adaptação? Será que vai doer? Quanto tempo passa até eu me habituar à prótese dentária? Tudo questões legítimas e pertinentes. para as quais este artigo tem a resposta. Leia o artigo e perceba como será o seu processo de adaptação à prótese dentária.

A adaptação à prótese dentária

No início do uso da sua nova prótese dentária, é possível que sinta algum desconforto. É natural. O dentista ao entregar a prótese prevê já a existência de algumas zonas de ajuste que poderão ser “moldadas” de forma a melhor acomodar a prótese à boca do paciente. Esses ajustes permitem não só compatibilizar a prótese com o seu usuário, mas também equilibrar a mordida, a oclusão e o encaixe das partes da prótese.

Quer saber como será o início?

  • você sentirá uma certa estranheza por ter um “corpo estranho” na sua boca
  • seu corpo produzirá mais saliva que o normal
  • você vai falar de um modo diferente
  • é possível que morda involuntariamente as bochechas
  • na zona de apoio da prótese poderá sentir dor e desconforto

O que recomendamos

Nesses primeiros dias tente mastigar com cuidado, assim tem menor probabilidade de morder suas bochechas e não forçará demais as zonas de apoio da prótese. Nomeadamente as gengivas. Tente mastigar a comida de forma homogénea, em movimentos verticais, de forma pausada e equivalente por ambos os lados da prótese (no caso por exemplo das dentaduras)

É também importante que, apesar do desconforto que possa sentir, mantenha a prótese na sua boca o máximo de tempo possível. Se retirar para aliviar, faça-o por períodos de tempo muito curtos e volte a colocar. Há dentistas que inclusivé recomendam que durma com a prótese, embora tal não seja consensual, siga o conselho do seu médico.

Quanto à alimentação, tente ingerir alimentos de fácil mastigação, moles e que não forcem sua mordida. Exemplos: puré de batata, carne picada, peixe e sopa.

Tente progressivamente se ajustar ao seu novo modo de falar, aos novos movimentos de sua língua, músculos da face e lábios. Faça sua rotina normal e verá que com o tempo se acostumará.

O tempo que decorre até se adaptar à prótese dentária varia de caso para caso, mas em cerca de um mês é possível que esteja totalmente acostumado e seu corpo já habituado

Nota: Nesta fase inicial, caso sinta dor muito intensa, ou até se criar feridas provocadas pelo uso da prótese, deve dirigir-se rapidamente ao seu dentista.

Fonte: http://protesesdentarias.com/a-adaptacao-a-protese-dentaria

Cimento Resinoso que dispensa uso de condicionador ácido e adesivo

0

Economize tempo com o Cimento Resinoso RelyX U100 da 3M.

Cimento Resinoso RelyX

A 3M desenvolveu o primeiro Cimento Resinoso Auto-Adesivo Universal que dispensa o uso de ácido, adesivo ou primer. Esse produto já existe desde 2002 nos Estados Unidos e lá, já é o cimento resinoso mais vendido.

O produto economiza uma das coisas mais valiosas para o dentista: tempo. Ele vem na já conhecida apresentação em clicker que facilita a visualização da quantidade remanescente e que oferece o desperdício ZERO de produto.

Indicado para Cimentação de: Oferece união resistente entre:
– Inlays

– Onlays

– Coroas

– Pontes

– Pinos Endodônticos.
*Metal / Prótese Metalo-Cerâmica

*Porcelana / Cerâmica

*Sistema cerâmicas reforçadas

*Resina Indireta

*Todos os materiais em bloco CAD/CAM

Estudo de caso utilizando-se Cimento Resinoso RelyX U100 da 3M.

cOMPARATIVO RESINOSO

Menor Risco de Sensibilidade Pós-Operatória

RelyX U100 é especificamente desenvolvido para ser auto-adesivo e tolerante à umidade, uma vez que não é necessário qualquer tipo de pré-tratamento (ácido + adesivo). Desta forma, o risco de sensibilidade pós-operátoria é muito baixo.

Fonte: 3M ESPE